DIA RACIONAL DAS MÃES

Mãe-Natureza

(Gilberto Carnasciali, estudante de Cultura Racional, Miguel Pereira, RJ)

 

O dia das mães é uma comemoração mundial, que no Brasil é festejado no segundo domingo de maio, portanto, neste ano, no dia 10. A data surgiu nos EUA em homenagem a uma mãe que havia se dedicado integralmente a amenizar a condição dos feridos na guerra civil da Secessão, tendo o então presidente Thomas Wilson, oficializado a data.

Mães são homenageadas desde tempos imemoriais. E na Grécia antiga a entrada da primavera era festejada com cerimônias à Cibele ou Rhea, a Grande Mãe dos Deuses.

Na Cultura Racional a Grande Mãe é a Natureza; criadora e mantenedora de tudo e todos, incumbida que foi por Deus, o RACIONAL SUPERIOR, de comandar e orientar a humanidade em sua vida na matéria. Para os que ainda não conhecem como ocorreu nossa vinda e permanência neste segundo mundo, o Livro Universo em Desencanto explica em detalhes o que é resumido a seguir.

Uns tantos seres Racionais puros, limpos e perfeitos, habitantes da PLANÍCIE  RACIONAL, adentraram por livre e espontânea vontade e por conta própria, uma pequena parte da planície, que ainda não estava pronta para progredir, apesar dos inúmeros avisos e advertências para não fazê-lo. Esse ato de indisciplina resultou no desprendimento e deslocamento dessa pequena parte da planície, que começou a descer muito lentamente, em movimentos espiralados, portando consigo esses seres que durante um longo processo passaram a perder suas virtudes Racionais. Essas virtudes, que são energias, iniciaram um movimento de convergência, formando um foco de luz que, com o tempo, aumentou sua intensidade, emanando grande calor, vindo a se transformar no que hoje conhecemos como sol.

Nesse ponto a Energia Racional foi desativada, e aquela parte que se desprendeu, transformou-se nas potentes e destrutivas energias elétrica e magnética, que passaram a atuar em seu lugar. Essa transformação ocorreu devido às virtudes ganharem consistência material, o que fez a energia daquela parte que desceu se transformar em goma de um lado e, do outro em resina, tudo isso causado pelo calor do foco de luz (hoje sol). O foco de luz esquentando cada vez mais, fez com que aquela goma se transformasse em um líquido grosso, que com o calor constante se tornou mais fino, dando origem à água. Esse calor sobre aquela resina, fez com que ela empolasse torrasse, virasse cinza em seu interior. A água penetrando por baixo das cinzas umedeceu-as, criando o mofo, ambiente propício para a proliferação de micróbios, bactérias e vírus. 

O vírus masculino, o reprodutor, veio da água, e o vírus feminino, o incubador, veio da terra, iniciando-se nesse ato a saga da humanidade na matéria. Extintos sobre a terra em sua descida degradante e deformante e inicialmente dela brotados assim como os vegetais, reproduziram-se posteriormente através do sexo, sendo, portanto, seres virais nascidos de uma infecção bacteriana em solução aquosa, que é o pingo d´água ou sêmen. A princípio viveram como monstros, depois como selvagens, em seguida como bichos Racionais, depois animais Racionais para finalmente atingirem a classe de Aparelhos Racionais. São as fases pelas quais o homem passou em sua evolução degenerativa, em um progresso que vai a regresso, durante vinte e uma eternidades, até o presente momento.  Eis a Natureza em ação, cumprindo a incumbência que lhe foi delegada pelo Racional Superior: gerar, cuidar, nutrir, curar e lapidar o ser humano em preparação para seu eventual retorno ao Mundo de Origem, o MUNDO RACIONAL.

E o que é lapidação?

É o sofrimento que a humanidade necessita passar na matéria para readquirir a consciência perdida na enorme quantidade de transformações por que vem passando nas incontáveis vidas que até hoje viveu; conhecer-se e tudo o mais que existe no universo da Natureza; entender que não há enigmas, nem mistérios insondáveis e que a vida na matéria é uma vida de aparências e ilusões; saber de onde veio, como veio, porque veio, como retornará, quando e para onde; saber que a terra, a água, o animal, o vegetal, o sol, a lua e as estrelas compõem as sete partes do por que assim somos; os Sete Reinos da Vida. Para que esse fim fosse alcançado, a Natureza criou o artifício para acabar com a rudez, o atraso e a brutalidade, usando o próprio homem, através do pensamento, para cumprir ordens como sua ferramenta de construção do progresso artificial, comandado pelas energias elétrica e magnética.

Portanto, os homens não fizeram, não inventaram, não descobriram nada. A Natureza, sim, propositalmente fazendo os homens pensarem que foram eles os criadores desse progresso artificial, julgando serem donos do pensamento e da imaginação.

Para que chegassem a ser o que são hoje, animais Racionais em evolução, os homens vieram sendo lapidados desde a fase de selvagens através das transformações e modificações.

Mas, como tudo na matéria tem princípio e tem fim, a fase do pensamento terminou em 1935, dando início à Fase do Raciocínio. A Mãe Natureza, a dona de todos e de tudo, a rainha do natural e do artificial, da cultura das artes e da ciência, foi a primeira a se integrar à nova fase e trabalha ativamente, desde então, para conduzir seus filhos de volta ao seu Mundo de Origem, fazendo uso deles como máquinas–ferramenta, produtores de outras ferramentas, para atingirem o objetivo maior: desenvolver em todos o Raciocínio, a Vidência Racional e o Aparelho Racional, para em assim fazendo, abrir um canal de comunicação com nossos irmãos Racionais e receber todas as orientações para o equilíbrio na vida, estreitando assim os laços com o MUNDO RACIONAL, (PLANÍCIE RACIONAL).

O mundo da matéria passa por uma grave situação falimentar moral, física e financeira, resultado de uma alteração no campo biomagnético ao qual estamos ligados. É um processo degenerativo elétrico e magnético que só a IMUNIZAÇÃO RACIONAL, através da ligação na ENERGIA RACIONAL, feita através do conhecimento contido na Cultura Racional, pode corrigir. A leitura das mensagens contidas nos Livros UNIVERSO EM DESENCANTO é o único e real antídoto capaz de desencantar, recuperar e salvar a população mundial, reconduzindo-a ao seu estado original de ser de Racionais puros, limpos e perfeitos. A Escrituração Racional foi ditada por Deus, o RACIONAL SUPERIOR, ao Senhor Manoel Jacintho Coelho, o RACIONAL SUPERIOR DA TERRA, que presente esteve aqui na Terra na forma de matéria, para cumprimento de sua magnânima missão, mas em sublime Estado Vibracional Racional, representando o próprio RACIONAL SUPERIOR, dois-em-um, para dentre outras importantes incumbências transcendentais, ainda ensinar à humanidade como divulgar o Conhecimento da Salvação Eterna, contido nos livros de Cultura Racional, Universo em Desencanto.

Portanto, o papel da Natureza é incomparável perante o papel da mãe biológica, porque somos todos, sem exceção, filhos-irmãos dessa Mãe Natureza. E sua missão como mentora na nova fase, a Fase Racional, é nos guiar de volta ao nosso Mundo de Origem. Este é um momento decisivo, visto que a hora é chegada; aquele que for portador do passaporte, que é o Livro na mão, para a viagem de retorno ao MUNDO RACIONAL, embarca e retorna, subindo à sua Base de Origem. Por outro lado, aquele que permanecer indiferente e inconsciente ao momento, ligado às energias elétrica e magnética, desce para as classes inferiores dos irracionais, enfrentando uma longa e penosa viagem de volta, sob intensa e sofrida lapidação.

Saudemos, pois, conjuntamente, o Dia da Mãe biológica e o Dia da Mãe Natureza; o DIA RACIONAL DAS MÃES.

SALVE!

Sobre nalub7

Uma pessoa cuja preocupação única é trabalhar em prol da verdadeira consciência humana, inclusive a própria, através do desenvolvimento do raciocínio, com base nas leis naturais que regem a natureza e que se encontram no contencioso da cultura natural da natureza, a CULTURA RACIONAL, dos Livros Universo em Desencanto.
Esse post foi publicado em Livros, Saúde e bem-estar e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para DIA RACIONAL DAS MÃES

  1. nalub7 disse:

    Salve, Gilberto!
    Justa e bela homenagem a todas as mães, mas, principalmente à Mãe de todas as mães e Mãe de tudo e de todos.
    É de emocionar quando passamos a conhecer e saber nossa verdadeira história, ao se tratar do assunto MÃE.
    Pois, aquela pequena Planície, aquela pequena parte em que adentramos, que era uma parte pura, limpa e perfeita, de massa cósmica Racional, deixou de ser o que era com nossa entrada, entrando em processo de deformação e, mais tarde transformando-se aquela massa cósmica pura em goma, depois em líquido e mais tarde em água, tendo sido a origem da Lua, das estrelas, através da transformação de suas virtudes perdidas, que deram origem a essas vidas. E a resina dessa goma, dando origem à terra, razão pela qual se constata que a água, considerada em sua forma primitiva é quem deu origem a tudo existente embaixo da terra, em cima da terra, no espaço e no cosmo inferior.
    É ELA, então, como geradora, criadora e mantenedora de tudo, a verdadeira MÃE de tudo e de todos.
    E antes era pura, limpa e perfeita. Nunca fez mal a ninguém. Nós sim, nós que hoje reclamamos tanto da vida, nós é que, por desobediência, adentramos NELA, ocasionando todo esse desastre de degeneração, deformação, poluição e enfraquecimento universal.
    E ELA, MÃE NATUREZA, que tudo sempre fez e faz para manter tudo e todos, sempre e sempre desrespeitada e desconsiderada, já que o homem se sente o dono de tudo que não fez, que não criou nem cria, que não inventou nem inventa, por ser uma simples ferramenta dessa soberana e bondosa MÃE.
    ELA foi maculada, desrespeitada e mesmo assim continua firme gerando, criando e mantendo tudo e todos.
    E agora no Terceiro Milênio nos traz a cultura natural DELA, para que, através dessa sabedoria sem precedentes e eterna, passemos enfim a aprender a respeitá-la e a todos os seus feitos.
    ELA nos presenteia, apesar de todos os nossos desrespeitos e ingratidões.
    Porém, lamentavelmente, serão poucos que lhe darão ouvidos e que procurarão conhecer a cultura natural DELA, para se tornarem seres verdadeiros RACIONAIS e se unirem à ELA, que é RACIONAL e que está incumbida, por DEUS VERDADEIRO, a nos levar de volta para onde de nunca deveríamos ter saído.
    Porém, desta vez ELA será implacável, não dará mais chance alguma aos ingratos que se negarem tomar conhecimento da cultura natural DELA para se harmonizarem com ELA.
    Desta vez ELA irá retirar esses desrespeitadores do convívio com os bons, conduzindo-os, sem perdão, para as classes inferiores de bichos irracionais de dois pés e de quatro pés.
    Nossos aplausos pelo belíssimo texto!
    Gratíssimos!
    Saudações Racionais!

    Curtir

  2. Gilberto Carnasciali disse:

    Obrigado pelo belísimo comentário!
    SALVE!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s