NA CULTURA RACIONAL NÃO EXISTEM OBRIGAÇÕES

EVENTO INTERNACIONAL EM RIO CLARO-SP.JPG

 

Cultura Racional não é seita, não é religião e nem filosofia.

Nas seitas e religiões é que temos doutrinações e obrigações. E, assim, os filiados a seitas e religiões têm suas obrigações a cumprir.

A Cultura Racional é um conhecimento natural da Natureza, para que a humanidade tome conhecimento do que é e quem é esta Natureza geradora de tudo e de todos, da qual dependemos em tudo para viver.

Portanto, é preciso e necessário que todos tomem conhecimento do que ELA representa em nossas vidas, como ela funciona para fazer tudo o que faz para que tenhamos condições de viver em plena sintonia com ELA, e que vai tornar nossa vida sem problemas, equilibrada e saudável, colocando fim no sofrimento.

E para isso, para que tomemos conhecimento da Natureza real e de seus movimentos, de suas mecânicas, como elas funcionam, é preciso estudar o Livro que nos dá todo esse saber verdadeiro sobre ELA, para que fiquemos de posse da Cultura DELA, a cultura natural da Natureza, a Cultura Racional.

Porquê?

Porque a cultura que a humanidade emprega no seu dia a dia há milhões de milênios, é uma cultura contra o natural da Natureza e, por isso, torna o ser humano cada vez mais desequilibrado, rude e atrasado, transformando-o num ser materialista, valorizando a matéria, que nada é, como tudo sendo.

E essa é a razão pela qual o mundo está cada vez mais violento, por estar adotando uma cultura artificial, fora das leis naturais da Natureza, uma cultura contra ele próprio, que o torna cada dia mais rude e fora da realidade.

Aí a Natureza se revolta com o desrespeito às leis naturais DELA, aplicando os corretivos necessários para que a humanidade acorde para o verdadeiro natural que essa humanidade desconhece.

Agindo dentro do natural, de acordo com as leis naturais da Natureza, o vivente não é obrigado à nada, por estar vivendo em harmonia com a Natureza, passando ele a agir naturalmente como se a própria Natureza fosse, não precisando dos corretivos e puxões de orelha da Natureza, que são as OBRIGAÇÕES, onde o vivente é obrigado a fazer coisas que vão contra sua própria índole, contra o seu sossego, para sentir na pele o que ele faz com a Natureza, que há milênios vem sofrendo com o comportamento artificial e de descaso dos viventes que, de forma materialista, por absoluto desconhecimento das leis naturais, vivem contra a Natureza, pelo fato de desconhecerem a fantástica Cultura DELA, que não prejudica a nada nem a ninguém, e que é a Cultura Racional.

E ao estudar a Cultura Racional, contida nos Livros Universo em Desencanto, vai se inteirando muito naturalmente da essência da Natureza, unificadora de tudo e de todos, para o bem de tudo e de todos, e aí consegue perceber o quanto a cultura materialista que adota é prejudicial a si mesmo.

É aí que a pessoa, por si mesma, sente inevitavelmente a necessidade urgente de se corrigir e se adequar à cultura natural da Natureza, à Cultura Racional, para o seu próprio bem e de toda a humanidade, chegando à brilhante conclusão de que essa Cultura é a verdadeira cultura que os animais Racionais devem adotar, para que o sofrimento no mundo tenha fim definitivo, reinando a paz, a união e a concórdia entre todos os povos.

A Cultura Racional leva o vivente a raciocinar, coisa que a cultura materialista e artificial nunca conseguiu fazer, por a cultura artificial ser uma cultura voltada unicamente para o ser material, onde cada qual luta contra tudo e contra todos para ficar bem materialmente, independente do prejuízo que cause aos demais, fazendo a divisão e a desunião de todos.

Portanto, a Cultura Racional desenvolve o raciocínio, e a cultura artificial desenvolve somente o pensamento egoísta, materialista, onde o vivente pensa somente em si e o resto que se dane, jamais se colocando no lugar de seus semelhantes.

Na cultura artificial materialista a pessoa é obrigada a seguir procedimentos que sacrificam seu próprio ser para obter uma profissão, uma posição social, um lugarzinho no “paraíso”, sem ter a orientação CERTA e natural da Natureza, que vem escrita nas linhas da palma das mãos da pessoa, para ter a certeza do seu rumo CERTO na vida e sem sacrifícios.

Já de posse da Cultura Racional, de forma integral, o vivente é naturalmente orientado para o CERTO e para o DIREITO, de forma a conseguir tudo o que precisa e necessita sem se prejudicar, nem prejudicar a ninguém, livre de transtornos e dos consequentes sofrimentos.

Por isso, na Cultura Racional não tem obrigações, porque, de posse dela, o vivente fica racionalmente desenvolvido, desenvolvido dentro do CERTO e do DIREITO naturais, recebendo muito naturalmente, direto do MUNDO SUPERIOR e da Natureza, as orientações simples para o bom e perfeito andamento de sua vida, ficando completamente livre de qualquer tipo de sofrimento. E essas orientações são dadas ao vivente que já raciocina sem qualquer intermediário.

Aí está a explicação do porquê na Cultura Racional não tem obrigações. Qual é a obrigação se o vivente sabe e tem certeza do que deve e do que não deve fazer?

Portanto, com o raciocínio desenvolvido (o que acontece quando o vivente passa a ter o conhecimento completo da CULTURA RACIONAL), esse vivente está, bem dizer, vivendo num verdadeiro paraíso, tudo lhe correndo a favor.

Aí o vivente está eternamente IMUNIZADO de tudo quanto é de mal e de ruim, por estar sendo guiado pela IMUNIZAÇÃO RACIONAL, o foco de luz eterna do nosso mundo de origem, o MUNDO RACIONAL, em contato dia e noite e noite e dia com o raciocínio desenvolvido da pessoa, o qual se encontra em sua glândula pineal, no centro de sua cabeça, no istmo do mesencéfalo.

Nessa condição, IMUNIZADO RACIONALMENTE, o vivente alcançou sua liberdade definitiva, por estar em harmonia plena com a Natureza e com o MUNDO RACIONAL.

E a Natureza é assim, de liberdade, quer seus filhos todos livres, porque para ELA a liberdade é um imperativo, e ELA não negocia seus direitos. Por isso, não obriga a ninguém desenvolver o seu raciocínio, nem essa obrigação existe. Todos têm liberdade do uso do seu livre arbítrio, que é uma razão SUPERIOR, não existindo nada superior ao livre arbítrio.

OBRIGAÇÃO é contra a Cultura Racional, é contra a Natureza. E quem obriga a esse ou a aquele, a essa ou à aquela a fazer isso ou aquilo como condição para ter o que precisa para sua sobrevivência ou salvação, está contra a Natureza, sofrendo as consequências de seu abuso contra as leis naturais, razão pela qual o mundo vai de mal a pior, onde os sofrimentos e as monstruosidades aumentam dia após dia, tornando este mundo em que vivemos uma verdadeira casa de loucos.

Tudo isso posto, o bom leitor já chegou à conclusão do DEVER, e não da obrigação, de se divulgar a Cultura Racional para todos indistintamente no mundo inteiro, para que todos, de posse da Cultura Racional, tenham condições de se corrigir e se adequar às leis naturais da Natureza, beneficiando-se e beneficiando a toda a coletividade mundial, pois, cada qual que passa a agir racionalmente, está colaborando para que o mal seja extirpado da Terra de forma definitiva, colaborando para a racionalização dos povos, que é todos conhecerem o mundo de sua raça, que é única, é Racional, e saber como voltar, em vida, para o nosso Verdadeiro Mundo de Origem, ligando-se a ele pelo desenvolvimento do raciocínio.

E assim procedendo, ligada ao MUNDO RACIONAL, ao terminar a vigência natural do corpo de matéria, a pessoa não torna a nascer neste mundo em que vivemos, por já estar ligada e pertencer ao nosso Verdadeiro Mundo, o MUNDO RACIONAL.

E continuarão neste mundo material apenas os que não quiseram desenvolver o seu raciocínio, tornando a nascer aqui, porém, não mais como animais Racionais, porque essa classe está em extinção desde 1935. Nascerão, então, como animais irracionais, de quatro pés e de dois pés, porque a Natureza é de transformações, nada se perde, nada se cria, tudo se transforma, de uma vida para outra e de uma forma para outra.

Transforma para CIMA, retornando ao MUNDO RACIONAL, como Racional puro, limpo e perfeito, ou transforma para BAIXO, como bichos irracionais.

Ame a si mesmo, conhecendo e divulgando a Cultura Racional, dos Livros Universo em Desencanto.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sobre nalub7

Uma pessoa cuja preocupação única é trabalhar em prol da verdadeira consciência humana, inclusive a própria, através do desenvolvimento do raciocínio, com base nas leis naturais que regem a natureza e que se encontram no contencioso da cultura natural da natureza, a CULTURA RACIONAL, dos Livros Universo em Desencanto.
Esse post foi publicado em AUTOCONHECIMENTO, EDUCAÇÃO E CULTURA, Livros, Saúde e bem-estar e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para NA CULTURA RACIONAL NÃO EXISTEM OBRIGAÇÕES

  1. Rosângela Leite disse:

    Parabéns pelo esclarecimento. Na Cultura Racional, por ser um conhecimento da Natureza, tudo é feito de forma natural.
    O estudo, que é o desenvolvimento do raciocínio, as divulgações e as colaborações, por o leitor estar sendo orientado dia e noite noite e noite e dia pelo RACIONAL SUPERIOR, para o desenvolvimento do seu raciocínio e da nova Fase que está na terra, que é a Fase Racional, procedendo assim com amor e carinho para o beneficio de si mesmo e de todos, que é o equilíbrio e a salvação da Humanidade, feita pelo desenvolvimento do raciocínio, e tudo muito naturalmente, por tudo ser da Natureza.
    E o que é da Natureza não existe obrigações, e sim deveres, que é divulgar a CULTURA RACIONAL para todos se conhecerem, que é um o conhecimento de nossa Verdadeira Origem, e que está na Terra desde 1935, no livro UNIVERSO EM DESENCANTO de CULTURA RACIONAL. Então, estudar Cultura Racional é um ato de amor ao próximo como a si mesmo e de fazer o bem sem olhar a quem.

    Curtido por 1 pessoa

    • nalub7 disse:

      Perfeito Rosângela! Está aí o VERDADEIRO AMOR AO PRÓXIMO, bem como o VERDADEIRO AMOR A SI MESMO: estudar e divulgar a Cultura Racional, diariamente, e quanto mais horas melhor.
      Parabéns pela sábia conclusão e gratíssima pelo comentário que complementa o texto acima.
      Louvada seja a Cultura Racional, a Cultura do nosso PAI VERDADEIRO, DEUS, o RACIONAL SUPERIOR!

      Curtido por 2 pessoas

  2. Mary Sana disse:

    Excelentes esclarecimentos!
    Antes, o PREPARO e para tal em qualquer circunstância, nesse dinamismo, somos submetidos a REPETIÇÕES, CONDICIONAMENTOS, enfim, recebemos DOUTRINAÇÃO.
    Esse primeiro passo é importante, fundamental, mas não resolve, apenas inicia a APRENDIZAGEM PROPRIAMENTE DITA, em qualquer nível.
    E não poderia ser diferente, com RIQUEZAS DE DETALHES, todos os TREINAMENTOS aos quais fomos submetidos, rumo ao CONHECIMENTO CONCLUSIVO, que é RACIONAL.
    RACIOCINAR é adquirir a possibilidade da IMUNIDADE PLENA e esse ÁPICE tem “ESTRADA”, tem que haver nem que seja um mínimo de esforço e boa vontade em querer deixar de ser DESCONHECEDOR da vida. Tem que vislumbrar deixar de ser DOMINADO e passar a compreender as CAUSAS de tudo, para usar de RECURSOS, que combatam os EFEITOS MALÉFICOS sobre tão fraco corpo de matéria.
    Enquanto a humanidade vivia o seu PERÍODO PREPARATÓRIO para desenvolver a VERDADEIRA INTELIGÊNCIA, que é RACIONAL, em tudo havia MAQUIAGEM, o saber era RASO.
    Racionalmente, a SABEDORIA tem RAIZ, pois vem para finalizar o ARTIFICIALISMO e ENCAMINHAR todos ao VERDADEIRO NATURAL.
    A NATUREZA trabalhou e continua trabalhando para ACORDAR, EDUCAR, ABASTECER aos humanos de CULTURA VERDADEIRA e ESSA já se encontra na Terra desde 1935, é a CULTURA RACIONAL DOS LIVROS “UNIVERSO EM DESENCANTO”.

    Curtido por 2 pessoas

    • nalub7 disse:

      PERFEITO e COMPLEMENTADOR comentário, Mary!
      Resumindo: estamos arrancando nossas sementes enraizadas no ser material, que é um ser fora do natural, ou seja, artificial e inferior, para enraizá-las no plano certo, no natural de sua verdadeira natureza, que é SUPERIOR, no Mundo Verdadeiro de onde somos, no MUNDO RACIONAL!
      Que beleza!!!!

      Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s