REFLEXÃO – A VIDA DA MATÉRIA: UM CONJUNTO DE RUÍNAS REUNIDAS!


reflexao-a-vida-da-materia

https://drive.google.com/open?id=0B_Q1dy73C4FdREZJaEtWODFzWUE  (Clique no link para ouvir o áudio)

download1

Sim, a vida da matéria é um conjunto de ruínas reunidas! E onde existem ruínas, existe a angústia.

E, dessa forma, todos angustiados, porque um ser de matéria é um conjunto de ruínas reunidas. E quem é formado assim, não pode se sentir bem.

E por não se sentir bem, vive de aparências.

E por um ser de matéria ser um conjunto de ruínas reunidas, é que aí, então, pode avaliar quantas ruínas tem reunidas num corpo de matéria:

existe a vaidade nesse corpo de ruínas reunidas;

existe a ganância nesse corpo de ruínas reunidas;

existe a ambição nesse  corpo de ruínas reunidas;

existe o ciúme nesse corpo de ruínas reunidas;

existe a paixão nesse corpo de ruínas reunidas;

existe a inveja, existe a traição, existe o falso amor nesse corpo de ruínas reunidas;

existe a cobiça, a total imperfeição e, por isso, a matéria é morrinhenta, fedorenta, catinguenta, seborrenta, enfim, um verdadeiro conjunto de ruínas reunidas.

A falsidade, a intriga, o fingimento e o despeito nesse corpo de matéria, que é um conjunto de ruínas reunidas.

A raiva, o ódio, o rancor, a antipatia, as monstruosidades, os crimes de toda ordem, os vícios, a pretensão, a soberbia, a prosa, o egoísmo nesse corpo de ruínas reunidas.

E, assim, é um corpo de matéria.

O gênio mal, o gênio perverso, o gênio  monstruoso, o gênio
bom aparente, nesse corpo de matéria, que é um conjunto de ruínas reunidas.

Essas ruínas e outras tantas.

A falsidade e outras tantas.

Então, esse conjunto de ruínas reunidas, para melhorar seu estado, para lapidar mais ou menos, tinha mesmo que ser como estamos: expostos a todo o sofrimento, por a maldade humana
ultrapassar os limites da consciência correta e certa de não fazer ao nosso próximo aquilo que não desejamos para nós mesmos.

Essa é a consciência correta e certa.

Em muitos existe e persiste, mas em outros, não, porque todos são diferentes, todos são desiguais. E por todos serem diferentes, é que há gente para tudo.

Para o que possa imaginar e o que não dá para imaginar.

E a causa de tudo isso? O MAGNETISMO.

No magnetismo estão todas as ruínas reunidas.

O magnetismo é um conjunto de ruínas reunidas.

E, dessa forma, para quem não conhece a sua verdadeira origem, não sabe se livrar do magnetismo e continua dominado pelo magnetismo, que é o império dominador de todos os vícios.

Livre-se do magnetismo, livre-se desse conjunto de ruínas reunidas, ligando-se à Energia Racional, no ler e reler os Livros Universo em Desencanto, para o desenvolvimento do seu
raciocínio, para ativação de sua Glândula Pineal.

Somente com o raciocínio desenvolvido e evoluído, toda a humanidade ficará livre do domínio da energia magnética, deixando de ser influenciado pelo mal e passando a ser comandado pelo BEM VERDADEIRO.

E para ter esses magnânimos Livros de Cultura Racional em sua casa, basta acessar o site:


http://www.universoemdesencanto.com.br

 

 

Sobre nalub7

Uma pessoa cuja preocupação única é trabalhar em prol da verdadeira consciência humana, inclusive a própria, através do desenvolvimento do raciocínio, com base nas leis naturais que regem a natureza e que se encontram no contencioso da cultura natural da natureza, a CULTURA RACIONAL, dos Livros Universo em Desencanto.
Esse post foi publicado em AUTOCONHECIMENTO, Livros, Saúde e bem-estar e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para REFLEXÃO – A VIDA DA MATÉRIA: UM CONJUNTO DE RUÍNAS REUNIDAS!

  1. Pingback: diablo 3 power leveling

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s