A DIVINA PROVIDÊNCIA

11136767_1020218074675437_8381188869911420324_n

https://drive.google.com/open?id=0B_Q1dy73C4FdWlRpNVZoejhKaFU  (Clique no link para ouvir o áudio)

download whatsaap

(Gilberto Carnasciali, Miguel Periera – RJ – Palestra conferida na 3ª Web Conferência de Cultura Racional, em 12/09/2015)

(*)

Antes de iniciar a pesquisa para este trabalho, por curiosidade, resolvi recorrer ao dicionário Aurélio para ver que significado teria no vernáculo a palavra PROVIDÊNCIA. Para minha grata surpresa lá estava em primeiro lugar: “Do latim Providentia. A Suprema Sabedoria com que Deus conduz todas as coisas; o próprio Deus”.

Inicio com duas perguntas:

Por que existe o ponto de interrogação?

Por que existe a pergunta em todos os idiomas?                                                 

Porque nascemos ignorantes de tudo e tudo temos que aprender. Os mais interessados pela vida e os mais curiosos se antecipam à vontade de aprender e fazem perguntas. A humanidade vive de perguntas e respostas.

Mas nem as perguntas nem as respostas dão solução às dúvidas do vivente, porque estão baseadas nas aparências e na ilusão da matéria. Porque a humanidade até hoje em sua grande maioria ainda não se conhece e não tem a menor ideia de onde veio, como veio, para onde vai, como vai e quando vai.

Então, cabe aqui mais uma pergunta: qual é a Verdade verdadeira que a humanidade não conseguiu ainda alcançar?E a resposta é a sua própria história que se inicia da seguinte forma:

Éramos puros, limpos e perfeitos e habitávamos a Planície Racional no MUNDO RACIONAL.

Desde que adentramos, por iniciativa própria e livre e espontânea vontade uma parte da Planície Racional que não estava pronta para entrar em progresso, a DIVINA PROVIDÊNCIA se fez presente na Voz de Deus, o RACIONAL SUPERIOR, alertando-nos de que deveríamos retornar para onde de onde saímos. Alguns obedeceram, outros não. Os que desobedeceram decidiram progredir por conta própria, tendo provocado naquele ato de desobediência uma desorganização no processo evolutivo Racional daquela pequena parte ainda em formação e que por isso, não estava pronta para o progresso, resultando no desligamento daquela pequena parte do MUNDO RACIONAL, de onde saímos, dando início a um progresso ao contrário e na deformação daquela parte do MUNDO RACIONAL.

Essa parte, desligada do seu verdadeiro habitat, iniciou um movimento em espiral descendente.

Após muitas eternidades esses corpos de energia Racional que na pequena parte adentraram, se extinguiram em cima dela, então transformada degeneradamente em goma e resina, que deram origem, mais tarde, respectivamente, à água e à terra, tendo sido assim a formação desses dois seres, sob a ação das virtudes, forças vitais, que os Racionais iam perdendo, formando um foco de luz que esquentava a parte que se deslocou, foco esse que mais tarde deu origem ao sol.

Resumindo, devido ao curto tempo disponível, segue de forma abreviada a descrição do progresso ilusório do ser humano após sua extinção na matéria.

Brotaram da terra e da água, tal qual um vegetal, como monstros; terminada a fase de monstros, seguiu-se a fase de selvagens atrasados, selvagens menos atrasados e finalmente civilizados; vindo então o grande salto avante para a Fase de animal Racional, fase do pensamento, mentor da preparação da humanidade através da lapidação, feita pelos invisíveis do campo espiritual, fase essa que também veio a terminar em 1935, para ser substituída pela fase do desenvolvimento do raciocínio, a fase natural da Natureza.

Estamos, pois, após 1935, em plena Fase Racional, a fase do Raciocínio.

O natural da Natureza que comanda tudo e todos no universo da matéria, passou a alimentar somente o Raciocínio, e não mais o pensamento dos pensadores, dando início então à Fase Racional, que é a última fase do ser humano na vida da matéria visível e também invisível, que abriga uma infinidade de seres de muitas formas, um verdadeiro zoológico de bichos, vírus e microvirus.

E todos os pertences da Natureza fora dos padrões e procedimentos do RACIOCÍNIO, entraram em falência e liquidação, por serem pertences do pensamento cuja fase não vigora mais.

E a humanidade, por viver artificialmente, apegada à matéria, não sentiu a mudança da Natureza de uma fase para outra – da fase do pensamento para a fase do raciocínio.

Todos só começaram a atinar que algo diferente estava acontecendo no mundo, devido à mudança de comportamento de todos para pior, aumentando a violência e os desequilíbrios morais, físicos e financeiros. Mas, não entendiam e não conheciam o porquê desses desequilíbrios, por desconhecer a causa deles.

E tudo isso fez com que os sofrimentos aumentassem no mundo inteiro: a falta de conhecimento da mudança de fase da Natureza.

Se a humanidade tivesse percebido e sentido essa mudança, teria imediato mudado seus padrões e valores culturais, passando a adotar os padrões e valores naturais da Natureza, teriam os povos embargado tudo de ruim que temos passado desde 1935, e já estaríamos com o raciocínio muito adiantado e evoluído, vivendo Racionalmente, ou seja, UM por todos e todos por UM.

Por isso foi preciso a Natureza encomendar a cultura do raciocínio ao MUNDO SUPERIOR, a Cultura Racional, para acordar a humanidade de seu sono de pedra numa fase que já terminou e que é a fase do pensamento.

Como animais Racionais, vivia a humanidade envolta em mistérios, enigmas, finitos e transfinitos, governada pela fase do pensamento, fase de preparação e lapidação feita pela missão espiritual, comandada pelas energias elétrica e magnética.

Falavam em DIVINA PROVIDÊNCIA sem conhecimento verdadeiro Dela, porque ainda não tinham o preparo suficiente para isso. Apenas concluíam que tão somente uma providência suprema, divina, poderia desvendar todo o encanto  deste mundo terreno, que sempre viveu sem se conhecer, sem saber, “QUEM SOMOS, DE ONDE VIEMOS E PARA ONDE VAMOS e COMO VAMOS.

E assim, desejavam uma força divina que esclarecesse as dúvidas da humanidade, curando seus males e eliminando seus sofrimentos, porém, desconheciam a ENERGIA RACIONAL, a verdadeira energia da DIVINA PROVIDÊNCIA.

Portanto, DIVINA PROVIDÊNCIA ficava somente na palavra, porque só conheciam as energias elétrica e magnética, que constituem o mundo terreno visível e invisível. E a missão dessas energias elétrica e magnética sempre foi a de manter tudo e todos encantados, ou seja, iludidos, fanatizados, enganados e traídos pela matéria, para que a Natureza tivesse tempo de lapidar e preparar todos para a Fase do Raciocínio, que estava pra chegar.

E essa foi a causa de ninguém nunca ter alcançado o SE CONHECER verdadeiramente, por estar ligado a essas duas energias do chão, elétrica e magnética, pensamento e imaginação.

O homem quando surge neste mundo encontra pronto tudo que aí está no mundo, mas, pensa e julga ser o dono de tudo. Não sabe que tudo é da Natureza, da DONA DE tudo e de todos, DONA até do pensamento. E foi através do pensamento, que a Natureza sempre utilizou os animais Racionais e irracionais, para fazer o que ELA precisasse fosse feito para lapidação de todos.

Portanto, nós pensadores nunca fizemos nem inventamos nada. A Natureza é quem coloca na nossa cabeça o que ELA quer que seja feito, para nossa lapidação. E agora, na Fase Racional, para desenvolvimento do nosso raciocínio, desde que a pessoa esteja ligada à Fase Racional, através da leitura dos livros Universo em Desencanto.

E assim, na fase do pensamento, ou fase da civilização, o homem como ferramenta da Natureza, foi executando tudo e que veio em seu pensamento, pensamento esse dado pela Natureza.

Isso porque o homem quando nasce, nasce sem saber coisa nenhuma, como qualquer outro animal irracional. Depende de tudo lhe ser ensinado. E assim não sabia nada sobre o porquê da vida. Pensava a humanidade que sua vida iria se eternizar nisso, na classe de animal.  E o animal está sendo duramente lapidado pela Natureza, para deixar de ser animal, deixar de ser rude, atrasado e procurar sua evolução Racional.

E a vida como animal não tinha sentido, porque ninguém sabia a causa e a origem da vida. Então a vida se tornava um amontoado de mentiras, fantasias, sonhos e ilusões. E quando a pessoa amadurecia e dava por isso, caía no vazio, porque passava a enxergar a nulidade da vida. Passava então a perceber que a vida era, sem conhecimento de sua verdadeira origem, apenas um conjunto de ruínas reunidas que por si mesmas se destruíam, por ser uma vida provisória.

Então o que todos nós sabíamos? Nada! Não sabíamos nada sobre nossa existência e a existência do mundo em que vivemos, e por isso vivíamos à procura da Verdade das verdades e nunca a encontrávamos. Tudo isso feito pela Natureza, a dona de tudo, para ir lapidando nossa natureza deformada de feras humanas, até chegar ao ponto de nos civilizar pelo amadurecimento, e depois de amadurecidos, termos condições de conhecer a Verdade das verdades, que é a Verdade Divina. A única.

De forma que a vida nunca para e sempre se transforma em novas gerações e novas mudanças, porque tudo evolui com essas renovações de tudo, para todos voltarem para seu verdadeiro mundo, o MUNDO RACIONAL.

Portanto, diante de todas essas dificuldades que o mundo de hoje enfrenta, por a humanidade não se conhecer, apelar para quem?  

Para quem realmente tem a solução definida e definitiva da vida: a VERDADEIRA DIVINA PROVIDÊNCIA, do MUNDO de onde somos originários e que antes de 1935 desconhecíamos, pelo fato de que estávamos ainda vivendo numa fase de preparação para ter condições de tomar conhecimento da VERDADEIRA DIVINA PROVIDÊNCIA, aquela que não tem mistérios, enigmas, finitos e transfinitos, cujo reinado é eterno, onde não existe o sofrimento e a morte, desvendando tudo com base, lógica, provas e comprovações, abraçando todos indistintamente, porque todos são filhos de DEUS.

Porque DEUS existe: é um RACIOCÍNIO SUPERIOR A TODOS OS RACIOCÍNIOS e UMA ENERGIA SUPERIOR A TODAS AS ENERGIAS, Habitante do PRIMEIRO MUNDO, o MUNDO RACIONAL, que é o mundo de onde viemos e para onde vamos.

E por ser DEUS, um RACIOCÍNIO SUPERIOR A TODOS OS RACIOCÍNIOS, se trata o RACIONAL SUPERIOR.

E a DIVINA PROVIDÊNCIA providenciou a Escrituração Racional, que veio para desencantar o mundo através da Fase Racional, permitindo uma última oportunidade a todos nós para retorno ao nosso verdadeiro estado natural de Racionais puros, limpos e perfeitos no Mundo Racional, de onde nunca deveríamos ter saído.

Deus, é um só, o Raciocínio Superior a todos os Raciocínios, que não joga ninguém contra ninguém e, sim, une todos, indistintamente, porque todos são filhos de DEUS,  a DIVINA PROVIDÊNCIA,  cuja LUZ está na Terra, nos Livros Universo em Desencanto de Cultura Racional, para providenciar a ligação de todos nós, pela ENERGIA RACIONAL, ao MUNDO RACIONAL, e em vida.

E ligados à ENERGIA RACIONAL, passamos de animais Racionais para Aparelhos Racionais, que significa, aparelhados à ENERGIA RACIONAL.

Mas para chegar a ser um Aparelho Racional é preciso desenvolver o raciocínio, lendo e relendo Universo em Desencanto, que contém a cultura extraterrena que desenvolve o raciocínio do animal Racional.

E que o raciocínio, é a Energia de DEUS, a ENERGIA RACIONAL, dentro da cabeça de todos nós, e que estava paralisada, sem ter entrado em função, porque ainda não havia chegado a DIVINA PROVIDÊNCIA na Terra para fazê-la entrar em função.

Se a DIVINA PROVIDÊNCIA tivesse chegado há muito na Terra, há muito todos nós já estaríamos raciocinando e não pensando, e viveríamos todos como verdadeiros irmãos que somos, e não vivendo uns contra os outros e destruindo uns aos outros.

Há muito já teríamos deixado de ser comandados pelas energias elétrica e magnética, do pensamento e imaginação, que nos fazem agir de forma variante, uma hora gosta, outra hora não gosta, hoje quer, amanhã não quer, hoje diz que está certo, amanhã diz que está errado, hoje ama, amanhã odeia. Uma ENERGIA DIVINA tem equilíbrio perfeito, não deixando seus filhos nesse desequilíbrio, por ser uma ENERGIA SUPERIOR, do Reino do Absoluto, onde só existe alegria, paz, amor, fraternidade, concórdia e a felicidade eterna.

E assim, provado está que a DIVINA PROVIDÊNCIA nunca antes da Fase Racional esteve presente na Terra, onde a incompreensão, a discórdia, a desunião, as maldades, a ganância, a ambição e tudo de ruim é o que sempre mais imperou.     

É importante lembrar e relembrar que todos aqueles estudantes de Cultura Racional que já dominam o Conhecimento Racional têm o dever de divulgar a todos os seus irmãos o que aprenderam durante seus estudos e pesquisas Racionais, como ensina o RACIONAL SUPERIOR  nos livros Universo em Desencanto: “senão estarão em falta grave, diminuindo o seu prestígio e perdendo o mérito para alcançarem e serem contemplados de tudo o que necessitam, imploram e desejam.”

E assim, eu termino esta minha alocução na 3ª Web Conferência de Cultura Racional com o seguinte Raciocínio:

A PROVIDÊNCIA DIVINA é a provedora do Raciocínio Superior a todos os Raciocínios para todos os seres Racionais que estiverem ligados na Energia Racional, sejam quais forem as condições e dimensões em que se encontrem.

Portanto:

RACIONAL: RACIOCÍNIO

RACIOCÍNIO: RACIONAL

Muito grato pela sua atenção.

SALVE!

 

(*) Texto em Inglês:

https://nalub7.wordpress.com/2015/09/12/the-divine-providence/

 

 

 

Sobre nalub7

Uma pessoa cuja preocupação única é trabalhar em prol da verdadeira consciência humana, inclusive a própria, através do desenvolvimento do raciocínio, com base nas leis naturais que regem a natureza e que se encontram no contencioso da cultura natural da natureza, a CULTURA RACIONAL, dos Livros Universo em Desencanto.
Esse post foi publicado em Livros, Saúde e bem-estar e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

5 respostas para A DIVINA PROVIDÊNCIA

  1. Pingback: THE DIVINE PROVIDENCE | RACIOCINAR SEMPRE! PENSAR, NUNCA!

  2. Lucia Helena Carvalho disse:

    Parabéns Sr. Gilberto pela importante Conferência Racional sobre a Divina Providência. A humanidade está de Parabéns por esta grandiosa revelação. Lhe desejo Saúde e Paz na continuidade da sua Evolução Racional. Salve!

    Curtido por 1 pessoa

  3. nalub7 disse:

    SALVE!
    Uma MARAVILHA sua Conferência, Gilberto!
    Irá levar LUZ a muita gente!
    Que a Divina Providência lhe abençoe cada vez mais e intensamente que é tudo o que todos precisamos e necessitamos!
    SALVE!

    Curtir

    • Gilberto Carnasciali disse:

      Salve, Mana, O Raciocínio é o elo de ligação com o nosso Mundo de Origem. É através de nosso estreito contacto com a DIVINA PROVIDÊNCIA, que libertaremos nosso Habitante do MUNDO RACIONAL para retornarmos ao verdadeiro Mundo de nossa Origem, o MUNDO RACIONAL.
      Gratissimo pelo apoio Racional que tem me dado neste crucial período de minha vida terrena.

      SALVE A DIVINA PROVIDÊNCIA!

      Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s