A JUSTIFICAÇÃO DO VERDADEIRO DEUS – PARTE 2 (FINAL)

Capa do Livro UD EM PORTUGUËS

https://drive.google.com/open?id=0B_Q1dy73C4FdT1c1SW9OLTVPb2s  (Clique no link para ouvir o áudio)

download1

Olá, Amigas e Amigos!

Juntos, novamente, damos sequência às explicações sobre Astrologia, tomando como referência os Livros Universo em Desencanto.

Paulatinamente, todas essas passagens de ASTROLOGIA aqui narradas, nos dão a entender que o LIMITE é a fronteira do que pode ser.

Em todas as nossas esferas de ação, abusos não dão bons resultados. Então, estamos limitados ao uso necessário e natural da matéria. Dela, há o uso e há o abuso. Portanto, ela nos sinaliza que: o bom senso não admite excessos. A matéria não foi feita para abusarmos dela. Um dos papéis que desempenhava o mapa astrológico na vida humana, naqueles tempos que jazem no esquecimento, era o enquadramento de todos, de cada qual, nas regras de um rigoroso limite para
viver. O Livro nos relata que, por a vontade ser livre, o limite foi extrapolado, deu-se mais um transbordo para o lado do contra-senso. E quem entra na faixa do contra-senso está progredindo contra si mesmo. Os livros de Cultura Racional nos conduzem a esse entendimento, buscando recuperar num pedaço de nossa história, aquele momento capital, no qual se deu um desvio de rota que até hoje repercute em nossas vidas, em todos os nossos quadrantes de ação.

Enfim, a vida se compôs espinhosa demais e não era para ser assim. Encerramos nossas postagens anteriores:

a) uma exposição dos fatos ocorridos no Mundo,
feita pelo
 verdadeiro Deus, sobre a razão e os motivos dos males daHumanidade;

b) primeira parte da Justificação do Verdadeiro Deus.

A seguir, a parte final da “Justificação do Verdadeiro Deus.”

 

A JUSTIFICAÇÃO DO VERDADEIRO DEUS O RACIONAL SUPERIOR – PARTE FINAL

 

Achavam que o alfabeto natural tolhia as vontades e os gostos absurdos.

Então, para dar expansão aos seus gostos absurdos e aos seus ideais, os abusados inventaram o novo alfabeto, para ter uma fuga, para dar expansão aos seus sonhos.

E foi assim que fugiram do alfabeto natural e tudo começou a virar com o novo alfabeto e veio, então, o fim destas civilizações. Mas, no terminar essas civilizações, surgiram, em outros pontos da Terra, novas gerações, que encontraram o alfabeto das civilizações extintas. E trataram de estudar e lapidar e preparar e progredir, formando, daí, o início dos alfabetos
atualizados, desde há muito.

Então, surgiu o grego, o hebraico e o latim e outros mais complicados, que foram extintos na época.

Vieram lapidando o alfabeto, modificando, com infinidade de transformações, e sempre preparando, para melhor entendimento e esclarecimento, até que chegou o ponto de domínio. Que há bem pouco, muitas nações ainda sem instrução.

Daí é que surgiu todo este manejo que as novas gerações ignoravam: o princípio e a causa de toda esta formação confusa.

Tudo isto, por o animal Racional ser abusado demais, como aí estão os abusos demais e os abusos sempre foram as causas das más consequências.

Então, tudo isto intruncado da forma diferente do primitivo real alfabeto, botou todos intruncados, desorientados, desconhecendo o tronco que deu causa e origem a esse engodo de idiomas diferentes, quando o idioma era um só: era o idioma natural, o alfabeto de astrologia, o alfabeto astrológico.

A astrologia é uma coisa só. E o alfabeto universal era um só. Mas, os abusados, abandonaram o alfabeto verdadeiro e inventaram um alfabeto a seu modo, que foi a origem deste que aí está.

Mas, não podiam ter conhecimento do passado. Que isto tudo se deu há longínquas eras, que não tiveram conhecimento; eras primitivas.

As novas gerações só encontraram os escombros das eras que terminaram . E nesses escombros, o alfabeto por eles usado. Daí, então, é que surgiu o início do alfabeto atual.

Então, quem não conhece o passado, diz:

“Deus é o responsável por todo o sofrimento da humanidade e, por isso, não atende às súplicas e ao clamor da humanidade, que pede misericórdia há séculos e séculos.

Será que Deus é mudo, surdo e soberbo e cego, que não vê os martírios e o sofrimento de seus filhos?

Porque se nós aqui existimos, é porque tem alguém que nos fez assim. E este alguém é o Todo-Poderoso, que tudo isto fez e não veio nunca nos dizer porque assim nos fez e porque tudo isso assim fez.

Será possível que Deus não tenha misericórdia do sofrimento da humanidade?”

Então, digo EU:

Deus está provando e comprovando, que os causadores de todo o sofrimento são os abusados primitivos. E todos têm os resquícios hereditários dos primitivos das eras passadas.

O mal hereditário é que todos os seres humanos são abusados, teimosos, geniosos e atrevidos. Mal hereditário.

E foi por este mal, que todos estão sofrendo as consequências, com o mal hereditário, que são os abusos naturais do ser humano.

Então, Deus não é culpado de estarem assim nessas condições e serem assim como estão e, sim, os abusos, que não reconhecem direitos.

O abusado não reconhece direito.

Foi o que se deu, o que está se dando e o que continua a se dar, os abusos sempre constantes.

Portanto, Deus não é culpado de serem assim.

E é assim desde os primitivos passos que entraram pelo pedacinho da PLANÍCIE, que não estava pronta para entrar em progresso (releia neste blog “A VERDADEIRA ORIGEM DA HUMANIDADE, https://nalub7.wordpress.com/2006/03/18/a-verdadeira-origem-da-humanidade/) (*).

Então, depois da evolução do alfabeto, muito mais tarde, começaram, com a evolução, a criar ideias, modos, formas e maneiras. Foi que muito mais tarde ainda, começaram a surgir as doutrinas, as seitas e as religiões.

Até a esta altura, o alfabeto já tinha evoluído e progredido muito.

Então, daí surgiram as confusões, as guerras, as lutas, uns contra os outros. Uns a quererem ser melhores do que outros, nascendo aí a ambição, a ganância, a inveja, a traição, os oportunistas, os aventureiros.

Então, aí, generalizaram as multiplicações das confusões, como aí estão até hoje, nascendo as deliberações próprias, o fanatismo, o egoísmo e infinidades de novas criações de modos, regendo.

Vieram lapidando cada vez mais o infortúnio da humanidade, a lapidação se
multiplicando e o sofrimento aumentando.

A humanidade desesperada e o mundo em confusão e, aí, os abusos se multiplicaram e tudo piorando e todos sentindo-se sufocados pelo engodo formado. E muitos clamando e dizendo:

“Não é possível! Deus não existe! Se Deus existisse, o mundo não estaria pegando fogo como está: as guerras que já passaram e as lutas que se multiplicaram!”

E, assim, hoje chegando o porquê do infortúnio da humanidade e esclarecendo os motivos e a causa das ruínas que assolam a humanidade.

Todos trabalhando, se esforçando para melhorar, e tudo se desenrolando ao contrário, não sendo culpadas as novas e velhas gerações e, sim, os primitivos abusados das civilizações que foram extintas, devidos os abusos.

Sabem, perfeitamente, que um abusado não respeita direitos. O abusado pensa e julga sempre que é dono da situação e, por isso, não respeita direitos.

Foi o que aconteceu com as civilizações que se extinguiram: entraram em colapso total, pelos abusos cometidos.

E onde existem abusos, as ruínas imperam. E onde existem abusos, o caos entra em ação. Onde existem abusos, ninguém se compreende. Onde existem abusos, ninguém se entende. Onde existem abusos, ficam uns contra os outros.

Os abusos são as causas das ruínas de quem abusa.

Abusos não dão bons resultados, pelo contrário, só maus resultados. Então, para que todos reavenham o equilíbrio, para que todos possuam o equilíbrio de encontrar a PAZ, o AMOR e a FRATERNIDADE e a CONCÓRDIA UNIVERSAL e a UNIÃO DE TODOS, é preciso que todos se liguem ao MUNDO RACIONAL, o verdadeiro Mundo de Origem da humanidade; que são seres de origem Racional, para que recebam todas as orientações precisas para o equilíbrio de todos, para a paz de todos e a paz universal.

Mas, para chegar a este ponto, é preciso desenvolver-se Racionalmente, por meio do conhecimento de Cultura Racional, para se ligarem ao seu Verdadeiro Mundo de Origem, para que sejam amparados, protegidos e orientados, para que possam acertar em tudo na vida da matéria. E, daí, o extermínio dos desacertos, desacertos esses insuportáveis.

Então, entra o mundo numa concepção deslumbrante, no delinear de uma fase consciente e positiva, que é a fase da RAZÃO SUPREMA, a fase da SUPREMACIA UNIVERSAL, que é a FASE RACIONAL, a fase de todos em contacto com o SUPREMO CRIADOR, o Verdadeiro Deus – o RACIONAL SUPERIOR. Que se existe esta degeneração Racional, é porque existe o outro MUNDO SUPERIOR, que deu consequência a este mundo inferior de animais Racionais.

Se existe o Racional Inferior degenerado, é porque existe o RACIONAL SUPERIOR, que deu consequência ao Racional Inferior.

Então, vamos saber quais foram as causas desses motivos, de haver o Racional Superior e o Racional Inferior. Um mundo Superior e um mundo inferior. Um mundo de corpos de ENERGIA pura, limpa e perfeita Racional
e um mundo inferior de corpos de matéria em degeneração elétrica e magnética, de origem Racional, por isso, na categoria inferior de animal Racional.

Então, se existe o Racional Inferior, que são os habitantes da Terra, é porque existe o Racional Superior, que deu origem e consequência ao Racional Inferior.

E, assim, toda esta hierarquia de formação ou desta formação e de formação cósmica, sobrenatural; tudo isto bem esclarecido na CULTURA RACIONAL.

…………………….. ……………………. ………………

E,assim, prossegue a CULTURA DO MUNDO RACIONAL, por ser feita por mim, o RACIONAL SUPERIOR.

 

(*) Observação nossa.

Leiam a 1ª parte, acessando:

https://nalub7.wordpress.com/2006/04/12/a-justificacao-do-verdadeiro-deus-1a-parte/

 

Bem Amigas e Amigos, prosseguimos este assunto amanhã, tomando como referência os Livros UNIVERSO EM DESENCANTO. Aguardamos por vocês e agradecemos pela atenção!

 

Sobre nalub7

Uma pessoa cuja preocupação única é trabalhar em prol da verdadeira consciência humana, inclusive a própria, através do desenvolvimento do raciocínio, com base nas leis naturais que regem a natureza e que se encontram no contencioso da cultura natural da natureza, a CULTURA RACIONAL, dos Livros Universo em Desencanto.
Esse post foi publicado em Livros, Saúde e bem-estar e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para A JUSTIFICAÇÃO DO VERDADEIRO DEUS – PARTE 2 (FINAL)

  1. 11mjpereira disse:

    Passei para te ler, e deselar uma sexta-feira cheia de amor
    beijos grandes para todos vocês
    Maria Jose

    Curtir

  2. Cristina disse:

    desejo-lhe uma boa pascoa,muito feliz,na companhia da sua familia. bjitox

    Curtir

  3. Pingback: A JUSTIFICAÇÃO DO VERDADEIRO DEUS – 1ª PARTE | RACIOCINAR SEMPRE! PENSAR, NUNCA!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s