CULTURA RACIONAL – CULTURA DE VANGUARDA

cultura racional - cultura de vanguarda.png

https://drive.google.com/open?id=1e0ibtr7irEMm1DkjgzWptugzWu8o4UgD

(Clique no link para ouvir o áudio)

download1 (1)

 

A Cultura Racional é uma Cultura de vanguarda, de Natureza superior, que não alimenta vaidades, disputas ou qualquer tipo de avaliação, as quais estamos acostumados a assistir aqui nesse mundo material, onde predominam as aparências.                                                                  

Estamos no limiar de uma nova era, a era da racionalização dos povos, onde toda a humanidade, por determinação da Natureza, irá conhecer o mundo de sua raça e saber como voltar para ele.

O Habitante do Mundo Racional materializado na Glândula Pineal ou Epífise, está neste milênio em franco progresso de desenvolvimento, e o estudo da Cultura Racional é o facilitador dessa evolução (a última evolução humana).                                                                    

No Primeiro Milênio, éramos seres brutos, primaríssimos e vivenciamos tempos penosos do desenvolvimento da imaginação (energia magnética) e a monstruosidade era a prática natural daquele tempo.

No Segundo Milênio, o pensamento acionado pela energia elétrica, foi sendo desenvolvido e agregado à imaginação, compondo parceria, movimentou o cérebro humano.

A civilização foi se estabelecendo, foi acontecendo, e a evolução do homem civilizado necessitou de estudos e mais estudos nas áreas diversas, que também foram intuídas pelo poderoso pensamento, o poder em vigor no Segundo Milênio.      

As filosofias, ciências e religiões prestaram grande colaboração, para que a evolução humana fosse gradativamente se tornando uma realidade.

Agora, no Terceiro Milênio, a humanidade já preparada pelas diversas correntes pensantes (escolas do pensamento).

Essas diversas possibilidades educacionais, formaram profissionais de áreas, as mais diversas, e utilizaram de inúmeros parâmetros de avaliação.

As Academias imortalizaram pessoas, intelectuais que se destacaram pelas inteligências diferenciadas.

Os títulos, os diplomas, as formaturas, realidades na Cultura Artificial, que priorizou processos avaliativos, incentivando as pessoas à competição, através dos diversos cursos.

Esses cursos, graduando, pós graduando, conferindo doutorado aos estudantes.       

Assim a Cultura Artificial cumpriu majestosamente a sua função: formar pessoas, conferir a elas uma posição sociocultural, no mundo das aparências.

O trabalho da civilização pensante foi exatamente esse, preparatório para algo superior, mais apropriado ao que alcançou a mente humana.

Daí, o advento da medição do quociente intelectual, o QI, que teve o seu início no século V. Essa referência comparativa de inteligência, vigorou como medida definitiva a inteligência humana, até o século XX.

Em meados dos anos 90, surgiu o QE (quociente emocional), medindo a capacidade do controle de emoções das pessoas.

Neste Milênio, surgiu o QS (quociente espiritual), que tem por objetivo medir o grau de espiritualidade das pessoas. Suas ações fraternas de amor ao próximo e desapego ao que é material, julgando existir no ser humano, o “Ponto de Deus “.

Surge na atualidade, o denominado QIM (quociente de inteligência múltipla), na tentativa de medir uma diversidade de aptidões, consideradas inteligências pelos pensadores (um total de nove), que vislumbram a possibilidade, de mais uma, a digital.

Em contraponto, esses valores dividiram a sociedade, impondo padrões e estabelecendo hierarquias.

No Terceiro Milênio em vigor, surge como órgão revelador, materializado na Glândula Pineal ou Epífise, o “raciocínio”, surpreendendo aos intelectuais, pela sua simplicidade, naturalidade e potencialidade grandiosos, contendo em si a capacidade de orientar, pacificar e equilibrar as mentes conturbadas, pelo excesso de pensamentos.

Essa semente ficou guardada, em nossas mentes, esperando o seu tempo para ser desenvolvida.

E esse tempo chegou, para direcionar a conduta daqueles que estiverem frequentando a escola do seu desenvolvimento.

E que escola é essa ?

A escola natural: o estudo persistente, sério, disciplinado e diário dos Livros “Universo em Desencanto”, cuja energia contida em seu bojo, irá acordando e fazendo reviver essa potência poderosa, máxima, que confere ao ser humano, a sua última e definitiva evolução.

E o equilíbrio advindo desse estudo é o quanto basta, para que o estudante se perceba um ser culto e a sua transformação evidente, de animal racional, para um legítimo Aparelho Racional, em sintonia com a fase em vigor na Natureza, a Fase Racional.

O Raciocínio é silencioso, é o dono da vida e sem alarde, transmite a sua pureza, limpeza e perfeição ao vivente. Sabe tratar a brutalidade material, com o devido respeito, mas não valoriza e nem cultua a vulnerabilidade do que faz parte do curso primário do encanto.

A inteligência Racional é a verdadeira inteligência, porque vem da origem e ensina transformando o comportamento rude, em sabedoria de fato.

Sabedoria que não divide e nem discrimina as pessoas, porque tem ação pacificadora e competente, para resolver desde os mais insignificantes aos considerados problemas insolúveis, para o limitado pensamento humano.

Onde há cobiça, ganância, inveja, ambição, mentira e diversos tipos de corrupções, a inteligência inexiste.

O Raciocínio, que está no seu tempo de fluir, desabrochar, prova e comprova, pela sua eficácia transformadora, ser a única inteligência própria aos seres racionais, que somos nós.

Aquele que investe em seu desenvolvimento, demonstra através da conduta, os efeitos da energia que recebeu, a Energia Racional, distribuída em abundância pela Natureza e materializada em letras na magnânima literatura Racional, dos livros “Universo em Desencanto”, se tornando um ser diferenciado no trato com as pessoas, adotando um comportamento condizente com a racionalidade, recebendo orientações, que uma vez postas em exercício, dão certo.

É portador de conhecimentos que priorizam e preservam a vida, a saúde, a dignidade humana.

E esses seres de cabeças iluminadas, que investirem no desenvolvimento sempre crescente do raciocínio, terão como resultante de seus esforços, a competência suficiente para assumirem cargos governamentais e humanitariamente serem gestores de fato.

O que é Racional, vibra com a Natureza e não necessita de crivo de nenhuma banca examinadora, de nenhum tipo de avaliação humana, uma vez que a imperfeição paira em tudo e em todos que fazem parte da vida material.

O vivente imunizado será coberto pelas linhas gerais da Natureza, se tornando sabedor, conhecedor e completo de tudo, porque a IMUNIZAÇÃO RACIONAL, será a sua realidade.

Racionalmente, o ‘’Ponto de Deus’’, que o quociente espiritual não sabe situar, só avalia de forma aleatória, é o raciocínio materializado na Glândula Pineal ou Epífise, que uma vez  desenvolvido, confere ao ser, o retorno ao seu estado natural, eterno, de volta à origem Racional.

Esse é o diploma definitivo, que o ser coroado, imunizado, não propaga, não cumpre conduta vaidosa, nem nenhum comportamento que possa constranger alguém.

O seu equilíbrio é o quanto basta, para esquecer a classe de animal racional, em que esteve um dia.

           

Sobre nalub7

Uma pessoa cuja preocupação única é trabalhar em prol da verdadeira consciência humana, inclusive a própria, através do desenvolvimento do raciocínio, com base nas leis naturais que regem a natureza e que se encontram no contencioso da cultura natural da natureza, a CULTURA RACIONAL, dos Livros Universo em Desencanto.
Esse post foi publicado em AUTOCONHECIMENTO, Livros, Saúde e bem-estar e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para CULTURA RACIONAL – CULTURA DE VANGUARDA

  1. Rosângela Leite disse:

    Salve ! E Viva a Cultura Racional , a Cultura Verdadeira do Animal Racional .

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s